quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Semadur premia escolas vencedoras da Gincana Ecológica do CEA Polonês


Escola Estadual Guia Lopes em premiação
A Escola Estadual Guia Lopes foi a vencedora, com a soma de 3.100 pontos respondendo sobre questões ambientas, da Gincana Ecológica promovida pelo Centro de Educação Ambiental – CEA Polonês. Esta é apenas uma das inúmeras atividades promovidas no local, cujo objetivo é contribuir para a promoção e apoio ao processo de educação ambiental em Campo Grande.. Na manhã desta quarta-feira (14), a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) premiou as escolas vencedoras da gincana.

“Foi divertido, as brincadeiras são ótimas e os assuntos abordados muito interessantes. Através da diversão, por exemplo, aprendemos sobre reciclagem”, contou Christian Renan Dias de Lima, 17 anos, aluno do primeiro ano do ensino médio e integrante da equipe vencedora. Para Kênia Angélica da Costa Maia, 18 anos, também aluna da escola campeã, foi importante aprender sobre a destinação dos resíduos, uma vez que os ensinamentos passados durante a gincana agora são praticados em sua casa “Eu aprendi sobre reciclagem, como fazer a separação correta dos resíduos, e hoje na minha casa todos fazemos essa separação”, contou.

Otávio Bispo de Pádua, 17 anos, estudante da Escola Estadual Advogado Demósthenes Martins, classificada em segundo lugar na Gincana Ecológica, somando 2.950 pontos, falou da participação de sua equipe “As atividades são criativas e nos estimulam a reciclagem. Criamos grito de guerra, passeamos por todo o CEA e ainda ofereceram lanche”. O aluno disse que a escola onde estuda promove projetos voltados à questão ambiental.

A Escola Estadual Amélio de Carvalho Baís conquistou o terceiro lugar, somando 2.750 pontos, seguida pelas escolas estaduais Fausta Garcia Bueno com 2.650 pontos, Arlindo de Andrade Gomes com 2.350 pontos, Orcírio Tiago de Oliveira com 2.350 pontos, Professora Brasilina Ferraz Mantero com 1.900 pontos e a Waldemir Barros da Silva com 400 pontos.

A escola campeã na gincana ganhou uma fábrica com todo o maquinário necessário para a reciclagem de papéis e oficina para capacitação deste processo. A segunda colocada ganhou cinco oficinas que serão ministradas na própria escola e a terceira colocada receberá uma coletânea de filmes sobre educação ambiental. Todas as escolas receberam livros sobre educação ambiental.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Marcos Antônio Moura Cristaldo, fez a entrega dos certificados de participação das escolas e as premiações. Ele informou que também foi estudante da escola vencedora - Guia Lopes - e ressaltou a importância da educação ambiental para os jovens, os futuros administradores da cidade “Parabenizamos todos os participantes. É importante as escolas introduzirem o conceito de educação ambiental aos seus alunos. Não é possível uma política ambiental sem a ajuda dos educadores”, Cristaldo salientou também as responsabilidades da Semadur “Cabe a nossa secretaria a promoção de políticas ambientais, coordenação e fiscalização de projetos voltados ao meio ambiente”.

Campo Grande conta com dois centros de educação ambiental. O primeiro inaugurado na Capital foi o CEA Polonês, localizado no Carandá Bosque e o segundo recém-inaugurado é o CEA Imbirussu, no complexo Imbirussu-Serradinho.

As ações realizadas no CEA são mantidas por meio de parceria com a construtora Rossi, que também esteve presente no evento “Agradecemos a iniciativa da Semadur e das escolas que participaram das atividades no Centro, pois acreditamos que um futuro melhor se faz dentro das escolas e na família, com o envolvimento de todos”, enfatizou Cristiano Postigo, gerente da Rossi.

Os educadores ambientais Mara Calvis e Heitor Simões do CEA Polonês, também parabenizaram a iniciativa da administração municipal e relataram a importância de ações como essas “Educação é a base de tudo. Temos que parabenizar essa juventude que se preocupa com o seu futuro. Hoje estamos plantando uma semente, uma nova prática de vida, introduzindo a educação ambiental. A base de uma sociedade ecologicamente correta.”, considerou Heitor. “As gincanas atraem os alunos a participar e aprender sobre questões ambientais. O CEA está de portas abertas não só para os alunos, e sim para receber todo a comunidade”, destacou Mara.

O CEA oferece agenda permanente de visitas escolares, além de promover, realizar e sediar atividades e eventos ligados à questão ambiental.

Katia Tavares DRT/MS 352

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Atividades da Semana no CEA



A semana começará agitada no CEA Polonês. Amanhã (13.12),  47 alunos da escola Municipal Santos Dumont, participarão das atividades dos educadores ambientais Lú Bigatão e Nereu Rios, logo pela manhã.

Na quarta-feira (14.12) a programação passa a acontecer na Central de Atendimento ao Cidadão - CAC, às 8h30m, quando alunos da escola Estadual Guia Lopes receberão do secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Marcos Antônio Moura Cristaldo, o prêmio “Escola vencedora da Gincana Ecológica do CEA Polonês”.

No período vespertino, as atividades continuam no CEA Polonês, quando os educadores ambientais e escritores Mara Calvis e Heitor Simões ministram  oficina de confecção de fuxicos para grupo de 30 pessoas, previamente inscritas.

Quinta-feira (15.12) acontece a oficina de brinquedos de garrafa PET e baús de Tetra Pak, nos períodos matutino e vespertino. Para encerrar a semana a Associação de Moradores da Vila Jussara, leva um grupo de 30 inscritos para participar da oficina de confecção de bolsas de garrafa PET, na sexta-feira (16.12).

Vale salientar que as oficinas ofertadas pelos educadores, acontecem toda semana e as inscrições estão abertas para grupos de aproximadamente 25 alunos, para mais informações ligue: 33139051.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Atividades da semana e campeões da Gincana Ecológica!


Alunos nas atividades ambientais no CEA Polonês

A última semana de novembro e início de dezembro foi diferente no CEA Polonês, ontem (01.12) aconteceu uma oficina educativa de opções de trabalhos com reciclagem. Além de outras duas oficinas realizadas na quarta-feira (30.11), onde foram utilizadas embalagens de Tetra Pak, para criar caixas de presentes, porta objetos e baús.

As visitas das escolas e as gincanas educativas continuaram duranre a semana. Na segunda-feira (28.11) a escola Estadual Fausta Garcia Bueno levou seus alunos de ensino Fundamental para conhecer o CEA Polonês e participar das atividades do local. O Centro Estadual de Atendimento ao Deficiente da Audiocomunicação, também visitou o CEA no dia 28.

Na terça-feira, (29.11) foi a vez do Centro de Educação Infantil Paulo Siufi levar suas crianças para conhecer e participar das atividades no CEA e a escola Municipal  Profº Nelson de Sousa Pinheiro, com os alunos do ensino fundamental.

Para fechar a semana, ontem (01.12) a Escola Estadual Guia Lopes, foi ao CEA, representada pelos alunos do ensino médio, única escola que participou da Gincana Ecológica nesta semana.

Gincana ecológica

A equipe marrom, dos alunos: Christian, Heron, Matheus, Andressa, Amanda e Lucas, somou 3.100 pontos e levou a escola Estadual Guia Lopes para a primeira colocação no ranking. A escola foi a última do ano a participar da Gincana Ecológica e portanto sagrou-se campeã no último momento, ultrapassando todas as outras pontuações.

Parabéns aos alunos da equipe marrom que fizeram da escola vencedora. 
A premiação será agendada em breve, aguarde!



Mayara da Quinta 

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Chuveiro híbrido – mais uma inovação da Casa Sustentável

Aliando energia elétrica ao sistema de aquecedor solar, o chuveiro híbrido da Cardal é mais uma tecnologia na Casa Sustentável do CEA Polonês. O equipamento é um lançamento no mercado nacional e o sistema prevê economia de água e baixo consumo de energia.


A água é aquecida pelo sistema de aquecedor solar instalado no telhado e armazenada em um cilindro chamado “boiler”. Quando houver muitos dias chuvosos ou se o consumo de água quente da casa aumentar significativamente, ao ponto das placas solares não conseguirem aquecer água suficiente para o banho, o chuveiro híbrido ativa o uso da energia elétrica.


A vantagem do uso deste tipo de tecnologia está na capacidade de desativar instantaneamente o uso da eletricidade, quando houver água suficientemente aquecida, pela energia solar.


Sem a utilização desta tecnologia o sistema de aquecimento solar necessita de uma resistência elétrica dentro do “boiler” para manter aquecida a água do reservatório, elevando o consumo de energia elétrica . O problema era notado no aumento da conta de energia devido ao consumo desnecessário de eletricidade.


A utilização de duchas convencionais, também influência no desperdício de água devido à distância entre o “boiler” e a ducha. Se o reservatório estiver muito distante, a água fria que já está nos encanamentos é descartada no primeiro momento do banho, até a chegada da água aquecida.


Com a utilização do chuveiro híbrido este problema não existe, pois o sistema aquece com energia elétrica a água que seria desperdiçada. No momento em que a água aquecida pelo sol chega ao chuveiro, a eletricidade é desativada gradativamente, mantendo a temperatura, sendo imperceptível ao corpo a mudança.


Ducha x Chuveiro


Apesar dos termos serem utilizados em diversos casos existe uma diferença conceitual. A palavra ducha remete ao equipamento que não aquece a água com energia elétrica, ou seja, não possui uma resistência embutida e tem a utilidade de apenas regular o fluxo da água.


Chuveiros são equipamentos voltados para o aquecimento da água do banho e não apenas para sua dispersão. Com a utilização da eletricidade, os chuveiros têm um menor fluxo de água, necessário para aquecer a água no equipamento.


Já que as duchas não utilizam a energia elétrica, a água precisa chegar aquecida por outros meios, como aquecedores solares ou a gás. Os chuveiros híbridos unem os dois conceitos e por este motivo são inovadores, conseguindo mesclar as energias utilizadas, gerando economia de energia e auxiliando na preservação do meio ambiente.


Para saber mais sobre os equipamentos da Cardal acesse: www.cardal.com.br


Mayara da Quinta

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Escolas no CEA Polonês


Nesta semana o Centro de Educação Ambiental Polonês recebeu três visitas.


Na segunda-feira (21) no período matutino o CEA recebeu a visita dos alunos do ensino fundamental do Colégio Evangélico Campograndense, onde participaram das atividades de educação ambiental, com teatro e ensinamentos da educadora Lu Bigatão.


Durante a tarde o CEINF Lúcia Angela de Castro Costa, também participou com seus alunos, do ensino fundamental, das ações. O CEA encerrou sua semana de visitas escolares ontem, (22) durante a tarde, com o Colégio Adventista Jardim dos Estados.


Mayara da Quinta

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Semana no CEA Polonês

Mayara da Quinta

Segunda-feira pela manhã o CEA Polonês recebeu a visita da escola municipal Desembargador Carlos Garcia de Queiroz, os alunos do ensino fundamental participaram das atividades elaboradas pelos educadores Lú Bigatão e Nereu Rios.

A tarde o Centro de Referência da Assistência Social Hércules Mandetta levou seus alunos de 5 a 11 anos para conhecer as programações educativas do CEA. Na terça-feira (8), foi a vez do Centro de Educação Infantil - Ceinf Vera Alba Congro Bastos levar seus alunos de 4 e 5 anos para participar. E no período vespertino ainda houve visita da escola estadual Luísa Vidal Borges Daniel, com alunos do ensino fundamental.

Gincana

A Gincana ambiental para os alunos do ensino Médio, elaborada pelos educadores Mara Calvis e Heitor Simões, continua e a pontuação das escolas participantes é sempre somada para classificação do ranking. A escola que somar mais pontos até o final do ano será premiada.

Ontem (9) os alunos de ensino Médio da escola Estadual Professora Brasilina Ferraz Mantero participaram da gincana pela manhã. A escola somou 1.900 pontos, e o grupo vencedor foi o vermelho, com os alunos: Rafael, Marco e Oséias.

No período da tarde foi a vez da escola estadual Amélio de Carvalho Baís, que obteve pontuação total de 2.750 pontos. A equipe vencedora é a marrom com os integrantes: Iasmin, Emilly, Gabrielly, Ana Gabriela, Maira, Mariana, Francisco e Izabela.

Hoje, a escola estadual Tiago de Oliveira encerra as atividades educativas da semana.

Evento

Acontece hoje e amanhã no CEA a Oficina de Apresentação dos Estudos que Embasarão o Enquadramento da Bacia do Rio Anhanduí, desde a nascente até a confluência com o Córrego Cachoeira.

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Palestra sobre a Casa Sustentável

Casa Sustentável no CEA Polonês
 Mayara da Quinta

Para explicar o funcionamento da Casa Sustentável do Centro de Educação Ambiental Polonês, o arquiteto Julio Lima Vera, da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur), vai à faculdade Anhanguera Unaes, no dia 16 às 19h, em palestra para alunos do curso de Administração de Empresas.

A palestra abordará todos os materiais de construção, equipamentos e tecnologias utilizados na Casa Sustentável, como o concreto ecológico feito de raspas de pneu, tijolos e telhas recicláveis, sistema de aquecimento solar, captação de água de chuva, chuveiro híbrido, entre outras inovações sustentáveis empregadas.

O evento prevê ainda exposição de projetos acadêmicos dos alunos do curso de Administração.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

ARTIGO: Só há um planeta Terra

Por MARA CALVIS e HEITOR SIMÕES
Escritores e Educadores Ambientais

Tudo na vida é preciso conhecer para cuidar. Tudo na vida é preciso entender para participar. Só não devemos é perder a vida para, só depois, valorizá-la. Assim está a vida do planeta: escorrendo pelas nossas mãos. É preciso mudar urgentemente a nossa maneira de ver, de pensar e de agir sobre o planeta Terra. Ele é a nossa casa. Ele é a nossa vida. Ele é o nosso melhor e único caminho.

Muito se fala ou se tem falado nos últimos anos sobre a questão ambiental. A natureza está pedindo de volta o que os homens, muitas vezes, por suas inconseqüentes ações, tiraram e tiram dela. O “Pedir de Volta” talvez seja um sinal de que é preciso repensar nossas ações e atitudes de forma urgente a respeito e com respeito a nossa mãe natureza e ao nosso planeta.

Contudo, ainda se faz necessário que nós possamos buscar mecanismos para alertar as pessoas para a importância de proteção ao mundo em que vivemos. Só há um planeta Terra. E pelo que observamos, é necessário que o homem mude urgentemente a sua maneira de pensar e ver o mundo.

Para tanto, é necessário que a educação seja essa ponte fundamental para a tomada de consciência das pessoas, sejam elas crianças, jovens ou adultos.

O Centro de Educação Ambiental do município de Campo Grande/MS o CEA Polonês, é hoje, no Brasil, um dos melhores espaços no tocante a reflexão, formação, informação e produção de atividades ambientais.
É um espaço democrático na conscientização do que é realmente importante para a formação consciente de todos os cidadãos que se preocupam com o meio ambiente.

As atividades desenvolvidas em forma de palestras, oficinas, caminhadas, gincana, teatro, dentre outras, com profissionais qualificados, demonstra a preocupação do CEA com a educação ambiental na sensibilização e conscientização das pessoas para questões sociais e ambientais, com mudanças de ações e atitudes ecos-cidadã.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Visita da Semana


Reciclão acompanha atento as atividades no CEA
Mayara da Quinta 

A Escola Estadual Fausta Garcia Bueno visitou o CEA Polonês, ontem (3), com os alunos do ensino Médio que participam da gincana de educação ambiental elaborada pelos escritores Mara Calvis e Heitor Simões, autores de "Lixo no lugar certo, planeta vivo e esperto".

A gincana tem diversas atividades e trata de questões como a economia de água no banho, na escovação e na limpeza das calçadas. A reciclagem, destinação adequada dos resíduos e o consumo consciente, também são abordados.

“Nada contra o consumo, desde que venha de uma forma sustentável. Devemos exercer o papel de cidadão e cuidar do meio ambiente.” – afirma a organizadora da gincana, Mara Calvis.

O grupo vencedor da atividade foi o “azul”. Com a vitória os alunos: Ari, Jeverson, Laisy, Karla, Vinicius, Murilo e Mileice, contribuíram com a pontuação da escola que somou 2.650 pontos e está em segundo lugar no ranking.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Curso de capacitação do projeto Manancial Vivo acontece no CEA Polonês

Professor Antônio  Reis em palestra no auditório do CEA

Mayara da Quinta

O curso de capacitação técnica para implantação de terraços, organizado pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur), começou ontem (27)  vai até o sábado (29) e é ministrado pelo mestrando da Universidade Federal de Viçosa Antônio Calazans Reis, no auditório do CEA Polonês.

A capacitação tem a participação de alunos e professores da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul que atuam em parceria com o projeto Manancial Vivo, além da equipe da Semadur envolvida no programa, incluindo os coordenadores Marcos Andrey Alves Meira e Ivan Pedro Martins.

“Esperamos que esta iniciativa venha efetivamente contribuir na preservação da bacia do guariroba.” – especifica Marcos Andrey Meira.

A intenção é que com este curso de detalhamento da implantação de terraços se possa entender a importância da conservação do solo das áreas de proteção ambiental do Guariroba e Lajeado, inseridos no programa Manancial Vivo, que visa recuperar as bacias hidrográficas de Campo Grande iniciando os trabalhos com estas duas por serem importantes mananciais de abastecimento público do município.

O curso demonstra a importância dos terraços, que são espécies de obstáculos constituídos por canais e faixas de terra feitos para preservar o curso das águas e o solo.  Os participantes aprenderão o passo a passo da metodologia envolvida até a implantação dos diversos tipos de terraços.  

O professor Antônio Calazans Reis tratou da importância dos terraços e demonstrou seus benefícios ambientais. ”Os terraços atuam com o controle da erosão e evitam com que o solo desprendido, fertilizantes, sedimentos e agroquímicos, atinjam os mananciais. Evitando a contaminação das águas, o assoreamento e favorecendo a infiltração da água no solo.” – explicou.  

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Aquecedor Solar

Sistema de aquecedor solar no telhado da Casa Sustentável
Mayara da Quinta

Em mais um capítulo de “Pedaços da Sustentabilidade”, hoje você vai conhecer mais um benefício ambiental da Casa Sustentável do CEA Polonês. O sistema de aquecedor solar doado pela Transsen foi instalado no telhado e tem um funcionamento bem simples.

Composto por placas que absorvem a radiação solar e por um reservatório para água aquecida chamado Boiler o sistema funciona da seguinte maneira: O calor do sol é captado pelas placas e transferido para água que quando aquecida é armazenada no Boiler.

O sistema não polui nem prejudica o ecossistema e gera economia de energia refletida no barateamento na conta. Não influi no efeito estufa e nem agride a natureza gerando intervenção direta na preservação do Meio Ambiente

O tamanho do reservatório térmico e a quantidade de placas necessária variam de acordo com o nível de radiação solar no local, o tipo de construção da casa e a quantidade de pessoas, na residência ou empreendimento.

“Para maximizar o aproveitamento da radiação solar, pode-se ajustar a posição do coletor ou painel solar de acordo com a latitude local e o período do ano em que se requer mais energia. No Hemisfério Sul, por exemplo, um sistema de captação solar fixo deve ser orientado para o Norte, com ângulo de inclinação similar ao da latitude local”– explica a Ong Sociedade do Sol.

A garantia de água sempre quente

Se o tempo ficar nublado ou chuvoso por diversos dias ou se por alguma razão não houver mais água aquecida no reservatório, o melhor sistema auxiliar de aquecimento é a utilização do chuveiro híbrido.

 Com esta tecnologia quando não há água suficientemente aquecida para o banho, o chuveiro aciona a utilização da energia elétrica apenas no momento necessário, garantindo banho quente, sem esquecer da preservação ambiental.

 No próximo capítulo, você saberá mais a respeito do inovador chuveiro híbrido, também presente na Casa Sustentável do CEA Polonês.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Atividades da Semana no CEA Polonês

Alunos em atividade no CEA Polonês
Mayara da Quinta 

O CEA Polonês recebeu diversas visitas nesta semana. Segunda-feira (17) no período matutino o quinto ano da escola Estadual Padre Franco Deupiano, participou das atividades de educação ambiental. No período da tarde, o oitavo e nono ano da escola Estadual Waldemir Barros da Silva compareceram no CEA.

Terça-feira (18) pela manhã foi a vez do Centro de Educação Aquarela de participar do teatro e passar pela trilha de práticas sustentáveis. Os alunos da escola Municipal Licurgo de Oliveira Bastos aprenderam os ensinamentos ambientais do CEA com a visita vespertina ainda no dia 18.

Ontem pela manhã um grupo de acadêmicos da UFMS fez visita-técnica na Casa Sustentável do CEA e assistiu a uma palestra explicativa com a representante da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Eng. Suely Brasil. 

Ainda no dia 19 pela tarde, a escola Estadual Arlindo de Andrade Gomes visitou o CEA e participou da gincana voltada para os alunos de ensino Médio. Na ocasião o grupo ganhador somou 800 pontos pela atuação dos alunos: Gabriel, Erica, Raquel, Igor, Paula, Francielle e Jhennifer. 

Hoje de manhã quem participa da gincana é a escola Estadual Adv. Demósthenes Martins.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Blog do CEA comemora 1.500 acessos com um mês de funcionamento



Lairtes Chaves

Com pouco mais de um mês de funcionamento, o blog do CEA Polonês comemora o sucesso de cerca de 1.500 acessos. Surpreendente, não?

Só em setembro foram 934 acessos e neste meio mês de outubro, já alcançamos 320.

Contamos com audiências dos mais diversos lugares. Escolas, órgãos e pessoas interessadas em Educação Ambiental de todo o país de fora dele como Estados Unidos, Alemanha, Rússia, Espanha e Paquistão.

Não deixe de recomendar o blog para um amigo e envie-nos a sua sugestão, depoimento ou crítica para comunicacaosemadur.pmcg@gmail.com.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Semadur participa da Semana de Engenharia Ambiental

Imagem: Divulgação
Em sua quarta edição a Semana de Engenharia Ambiental tem neste ano a temática “Cidades Inteligentes: Sustentabilidade e eficiência”. Realizada por acadêmicos do curso de engenharia ambiental da UFMS a semana terá palestras, oficinas, visitas técnicas e mini-cursos com o objetivo de promover a permuta de conhecimento entre estudantes, profissionais da área, pesquisadores e outras parcelas da sociedade.

O evento que acontece dos dias 19 a 22 de outubro terá duas atividades relacionadas à Semadur. Amanhã (19) a programação inclui uma visita técnica na Casa Sustentável do Centro de Educação Ambiental Polonês, com a orientação da representante da Semadur, Eng. Suely Brasil.

Ainda na quarta-feira às 15h, o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Marcos Antônio Moura Cristaldo fará palestra sobre planejamento urbano e meio ambiente. As atividades do evento acontecem no auditório do Laboratório de Análises Clínicas da UFMS (LAC).

Para saber mais sobre o evento acesse: http://ivsemeaufms.blogspot.com/

Mayara da Quinta

Agenda dessa semana


Visitam o CEA Polonês hoje (18) alunos do Centro de Educação Aquarela e da E.M. Licurgo de Oliveira Bastos.

Ontem foi a vez das escolas E.E. Padre Franco Delpiano (São Julião) e da E.E. Waldemir Barros da Silva.

Estão programadas ainda as visitas da E.E. Arlindo de Andrade Gomes e de acadêmicos do curso de Engenharia Ambiental da UFMS para a próxima quarta-feira (19), além da E.E. Advogado Demóstenes Martins na quinta-feira (20).

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Começa gincana ecológica no CEA Polonês



Alunos em frente à Casa Sustentável
A Semadur está desenvolvendo uma gincana ambiental entre as escolas do ensino médio que visitam o CEA Polonês. 

A primeira escola a participar foi a Estadual Waldemir Barros da Silva, representada pelos alunos Tablata, Talita, Liege, Raquel, Palloma, Larissa, Bianca, Adrielly e Lorena, que totalizaram 400 pontos.

Nesta próxima quinta (20) é a vez da Escola Estadual Advogado Demósthenes Martins participar e se posicionar no ranking

A escola vencedora será premiada no mês de dezembro.

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Atividade no sábado

                                                                    Foto: Lairtes Chaves
Mayara da Quinta

Amanhã o CEA Polonês terá atividade realizada pela empresa Supergasbras. Com o intuito de conscientizar as crianças da importância de preservar o meio ambiente e em comemoração ao dia das crianças, a empresa fará ações focadas em meio ambiente e reciclagem no espaço do CEA em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano.

O evento que acontece das 8h20m às10h30m terá a partipação dos funcionários da empresa e seus filhos, somando 55 participantes. Para aliar ensinamentos ambientais e diversão um teatro de fantoches será apresentado sob as sombras das árvores do CEA.

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Gincana começa hoje!

Mayara da Quinta

Agora pela manhã, pela primeira vez, alunos de ensino Médio visitam o CEA.

A Escola Estadual Waldemir Barros da Silva, com cerca de 50 alunos do segundo ano do ensino Médio, participa de uma gincana com atividades de conscientização ambiental elaborada pelos escritores Mara Calvis e Heitor Simões, autores de "Lixo no lugar certo, planeta vivo e esperto".

Os alunos serão divididos em turmas e a equipe campeã da gincana ganhará brindes oferecidos pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano.

Vale lembrar que a pontuação da equipe vencedora nesta primeira atividade será anunciada no Blog como 1º lugar do ranking que será atualizado sempre que houver gincana. A escola com melhor pontuação no ranking do CEA será premiada. 

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

CEA Polonês realiza atividades para acadêmicos da UEMS

Lairtes Chaves


No último sábado, primeiro, acadêmicos da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul realizaram uma visita técnica ao CEA Polonês.

O grupo do curso de geografia conheceu a estrutura e os materiais de construção ecologicamente correta da Casa Sustentável, e participaram de uma palestra com o Arquiteto e técnico da SEMADUR, Júlio Lima Vera.

O encontro tirou dúvidas, e ofereceu novas idéias de pesquisa e projetos para os alunos, que saíram impressionados, admirando as dependências do local que desde já, é referência em educação ambiental no Estado.

Para Iluminar

Mayara da Quinta

Placa Fotovoltaica instalada ao lado da Casa Sustentável
Na Casa Sustentável foi instalado um Sistema Fotovoltaico doado pelas empresas Tecnometal e Eco-Energia. Mas para que serve este sistema?

A Placa fotovoltaica é capaz de transformar a energia solar em elétrica e assim é possível utilizar esta energia considerada limpa e inesgotável em lâmpadas, televisões e equipamentos eletrônicos de uma forma ambientalmente correta.

Nela componentes eletrônicos geram eletricidade quando expostos à luz. Com a cobertura de vidro temperado e materiais resistentes, a durabilidade do equipamento é superior à 25 anos.

Este processo pode fornecer uma parte ou toda energia consumida em residências, empresas e indústrias. É possível a instalação de um sistema ligado à rede concessionária de energia elétrica fazendo com que a eletricidade solar gerada seja consumida prioritariamente e só na ausência desta a energia da rede é utilizada.

Neste sistema, toda eletricidade gerada pelo sol que não for utilizada resultará em créditos.Quanto mais créditos solares acumulados, maior o desconto na conta de energia.

A quantidade de placas necessárias para cada ambiente é relativa às necessidades. Na Casa Sustentável com duas placas fotovoltaicas é possível acender cinco lâmpadas e ligar duas TV de LED simultaneamente, segundo o arquiteto da Secretaria de Meio ambiente e Desenvolvimento Urbano, Júlio Vera de Lima.

Para conhecer a placa fotovoltaica da Casa Sustentável e seu funcionamento agenda uma visita pelo telefone: 33139051.

Pedaços de Sustentabilidade




Você poderá conferir a partir de hoje matérias que explicarão parte por parte da casinha sustentável do CEA Polonês. Assim você poderá saber todos os benefícios ambientais da casa antes de visitá-la.


Fique atento!

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Essa semana tudo acontece :D

Primeira Quarta-feira de portas abertas 
no CEA Polonês!


Florinha diverte a todos, levando consigo a mensagem
de preservação das áreas verdes. Junto dela a estagiária da
comunicação da SEMADUR, Mariana Medeiros. Foto:
Lairtes Chaves

Lairtes Chaves


A partir desta semana, toda quarta-feira é dia de visitação aberta ao Centro de Educação Ambiental. 
Todos são convidados a aprender um pouco mais sobre meio ambiente e a mudar seus hábitos de consumo. Venha você também fazer parte desse roteiro de caminhadas na Trilha Ecológica, observação do córrego no mirante, visita a Casa Sustentável e muito mais.

Até quarta!

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Acadêmicos da UEMS fazem visita técnica no CEA Polonês

Lairtes Chaves



Foto: Lairtes Chaves
 
Amanhã, dia primeiro de outubro, o Centro de Educação Ambiental recebe acadêmicos do curso de Geografia da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.
Estão previstos cerca de 30 alunos da graduação que realização uma visita ténica de estudos a Casa Sustentável e as estruturas do CEA.
Durante a visita, será realizada uma palestra sobre as tecnologias de construção sustentável da Casa, com o arquiteto e técnico da Semadur, Júlio Lima Vera.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Alegria em conhecer e preservar para as gerações futuras


Alunos de escolas municipais visitam as dependências do Centro e são recebidos com teatros, gincanas e passeios

Lairtes Chaves

Foto: Lairtes Chaves
No último dia 23, sexta-feira, alunos, professores e voluntários das Escolas Municipais Ana Lúcia de Oliveira Batista, Antônio José Paniago e Lenita de Sena Nachif conheceram a estrutura e participaram de atividades de educação ambiental no Centro.

Apreensivas com a novidade, as crianças foram recebidas no auditório com um filme sobre os frutinhos típicos da nossa região. A seriedade não demorou a findar. Ao término do filme, os alunos, sempre atentos, foram platéia de um teatro de bonecos que arrancou risos e suspiros de todos.

O teatro tratava de uma forma divertida e em linguagem simples, sobre o crescimento desordenado dos centros urbanos. Uma verdadeira aula de geografia e preservação ambiental. Temas como coleta seletiva, cuidado com os córregos e arborização (eixos geradores dos projetos da Semadur) foram tratados com os personagens de espuma.

Após a visita à casa sustentável onde puderam conhecer sobre tecnologias de construção ecológicas, os alunos realizaram a trilha ecológica,  ficando encantadas com as árvores frondosas e com uma cotia, que despercebida de seus visitantes corria como em uma brincadeira.

Com um lanche delicioso, composto de leite, sucos naturais, frutas e um delicioso bolo de chocolate, as crianças conversaram com o Secretário de Meio Ambiente Marcos Cristaldo e com o empresário Alex Bachega, da FM Blink 102, que fizeram questão de participar da visita com as crianças.

“Ações  como essa da prefeitura, são fundamentais para mudar os hábitos da população. Nossas crianças com certeza tem mais oportunidades de fazer diferente, de tomar decisões sustentáveis que preservem o meio ambiente”, ressaltou  Eliana Padilha, professora da E.M. Ana Lúcia de Oliveira Batista.
As crianças vão embora com um boné do CEA. Mas é engraçado saber que elas levam uma simples lembrança, quando na verdade deixam no Centro sorrisos e a esperança, de fazer diferente e cuidar do que existe para as gerações futuras.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Quarta-feira de portas abertas!


Foto: Lairtes Chaves
A partir do dia 05 de outubro, todas as quartas-feiras será dia de portões abertos no Centro de Educação Ambiental Polonês.

A idéia é que todas as pessoas possam acessar livremente as dependências do Centro e sintam-se convidadas a participarem ativamente das atividades oferecidas. Ns dias abertos serão oferecidas oficinas gratuitas.



Fique ligado e participe das atividades e dos dias abertos do CEA Polonês!

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Olhos de jabuticaba para cuidar do meio ambiente


 Lairtes Chaves


Foto: Lairtes Chaves


Nas lembranças que remetem às casas de vó, nos quintais avermelhados das casas com design nem tão moderno assim. Quantos momentos da infância seriam realmente memoráveis se não fossem pelas subidas travessas nos galhos das árvores, carregados de frutas, de folhas, de sonhos.


 
De todas essas árvores de frutas e de sonhos, uma em especial marca os quintais. Saudosas bolinhas pretas, coladas ao tronco liso. Aqueles pretumes doces, de casca cerosa, que brincando com os dentes só soltam um “ploc”.


 
Gostosa lembrança? Deliciosa realidade. O doce e a presença dos olhos múltiplos, pretos e esbugalhados da jabuticabeira são atração permanente do CEA Polonês.



Foto: Lairtes Chaves

A árvore, que pode chegar até 10 metros de altura e tronco manchado liso de até 40 cm de diâmetro, está coberta da frutinha mais apreciada dos sonhos e das saudades de cada geração.


 
Seus pequenos frutos de casca preta e polpa branca ligados à semente, podem ser consumidos diretamente do pé, ou ainda em geléia, suco, licor, aguardente, vinagre e até vinho.


Foto: Lairtes Chaves



O Centro de Educação Ambiental convida a todos para uma caminhada na trilha ecológica, onde as jabuticabeiras aguardam ansiosamente pelo encontro. Doce encontro, com a mensagem de tornar a cultivar árvores frutíferas nos quintais, e sonhos de infância, que nos faz lembrar da importância das árvores e de preservar o meio ambiente.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Mais uma escola visita o CEA

Foto: Giulianno Arruda
O CEA Polonês recebeu na tarde de hoje (21) a visita de 50 alunos do 6º e 7º ano da Escola Municipal Dr. Eduardo Olímpio Machado.

Localizada na Coophavila II, a escola desenvolve diversos projetos ambientais, incluindo a coleta seletiva, implantada desde 2010 em parceria com a Semadur, que levou o nome de "reciclando com arte".

No CEA Polonês, os alunos participaram de algumas dinâmicas relacionadas à separação e reciclagem dos resíduos sólidos, na presença do boneco Reciclão, o mascote do programa de coleta seletiva

Aberto a escolas, Centro Ambiental reúne beleza, ar puro e conhecimento

Aline dos Santos 
(Fonte: Campo Grande News)

Ao lado da avenida Via Parque, onde incessantes carros vem e vão, é possível ouvir o canto dos pássaros, se deliciar com jabuticabas colhidas no pé, respirar ar puro e, por tabela, aprender sobre a importância da preservação ambiental. O endereço do verde é a o CEA (Centro de Educação Ambiental) Polônês, em Campo Grande.

Inaugurado em agosto, o espaço abriu as portas nesta terça-feira, véspera do Dia da Árvore, para alunos de colégios municipais. Na estreia, 30 estudantes do 9º ano da escola Irmã Edith Coelho Neto, do Jardim Colúmbia, assistiram a peça de teatro e filme sobre o meio ambiente, conheceram a casa ecológica, o trabalho de arborização, o córrego Sóter e o programa de coleta seletiva do lixo.

“São vários momentos dentro do passeio. Para que entendam o que a ação humana ocasiona na natureza. São os 3 R: reduzir, reutilizar e reciclar”, afirma Lú Bigatão, da ONG Florescer do Cerrado, responsável pelos passeios. Por semana, o CEA vai receber quatro escolas.

Luciano Rodrigues, de 14 anos, se interessou pela Casa Sustentável, construída com madeira e vidros reaproveitados de restos da construção civil. “Gostei da placa de energia solar”, diz. A energia é destinada ao chuveiro. O imóvel também despertou a atenção da estudante Vanessa Aparecida Spiewakouski, de 16 anos. “A casa com as placas de energia é legal”, afirma. O parque tem 28 espécies de árvores nativas e é visitado por quero-queros e capivaras.

Para a professora Francilene Camilo dos Santos, as informações sobre o meio ambiente podem levar os alunos a ter mais zelo com as áreas de preservação do bairro. “Também tem o córrego Botas, onde moradores jogam lixo e até móveis. Espero que eles sejam multiplicadores”, salienta.

Os alunos vão fazer redações sobre a visita. O CEA também mantém um espaço na interação na internet, no http://www.ceapolones.blogspot.com/



No fim da atividade, em companhia dos mascotes Limpinho, Florinha e Reciclão - respectivamente um peixe, uma árvore e uma lixeira – os estudantes receberam mudas de amora, acerola e goiaba.